Uso consciente da água: veja como evitar desperdício em lavouras irrigadas

2 meses atrás 90 visualizações
LinkedIn

Com o avanço da crise hídrica no Brasil, o consumo consciente e adequado da água é cada vez mais indispensável em todos os setores, incluindo a agricultura. Atualmente, o Brasil conta com cerca de 8 milhões de hectares irrigados e ainda é possível evitar perdas do recurso hídrico, como explica o engenheiro agrônomo e pesquisador da Embrapa, Luis Henrique Bassoi.

Brasil tem potencial para irrigar 55 milhões de hectares destinados à agropecuária Grãos: técnica aumenta produtividade em até 26 sacas por hectare no Sul

“Estamos vivenciando uma nova crise hídrica e, nesse momento, começam os questionamentos sobre quais setores usam muita água. Sempre procuram os culpados e a agricultura irrigada é uma grande usuária de água, em qualquer lugar do mundo. Sendo assim, o produtor pode se valer do conhecimento de critérios para realizar o manejo de irrigação. Ele define o momento em que ele vai aplicar uma determinada lâmina de água. Isso sempre levando em consideração parâmetros que ele mede, como sensor de umidade ou valores de evaporação que ele tem de determinada área irrigada”, disse.

O especialista explica ainda que a água utilizada na agricultura irrigada, em sua maior parte, fica disponível para outros fins por meio do ciclo hidrológico. “A planta transpira, a água do solo evapora, e parte dessa água armazenada neste solo pode compor os corpos hídricos. Toda vez que consumimos algum alimento, esse alimento apresenta água. O produtor irrigante procura ser eficiente, temos que melhorar em muitos aspectos, mas existe a conscientização que a água é um bem que serve a vários setores e usuários e a agricultura irrigável está preocupada em evoluir para resistir a crises como essa que vivemos”, concluiu.

Fonte: Canal Rural - Agricultura

Tags: brasil água agricultura setores irrigada

Leia a notícia inteira