Fim de semana: previsão mostra persistência de chuvas intensas no Sul do país

7 meses atrás 68 visualizações
LinkedIn

O fim de semana promete desagradar os produtores de soja de alguns estados do país. Isso porque algumas regiões seguem com excesso de umidade, que já estraga a soja e outras que precisam de chuvas seguem secas. A boa notícia é que em ambos os casos terá exceções.

Confira abaixo a previsão do tempo completa! As informações e mapas meteorológicos são da Somar Meteorologia e do Inmet.

SUL

Para desespero dos produtores de soja do Paraná, as chuvas devem persistir por lá nesta sexta-feira. Os maiores acumulados acontecem na parte centro-leste do estado. As chuvas atuam sobre toda Santa Catarina e Rio Grande do Sul também.

No sábado a previsão ainda mostra a tendência para chuvas em todo o Paraná, mas com menores acumulados. Também chove em Santa Catarina e Rio Grande do Sul, mas são os gaúchos que podem ter problemas na parte centro-sul do estado, com chance de temporais e grandes acumulados.

No domingo toda a região Sul ainda terá chuvas, mas a parte leste do Paraná e Santa Catarina tende a ter garoas mais leves, e até tempo firme em alguns municípios. Já o Rio Grande do Sul pode registrar altos acumulados mais uma vez, principalmente na parte oeste do estado.

SUDESTE

No Sudeste as chuvas devem atuar somente sobre a faixa oeste e sul de São Paulo, deixando todo o restante das áreas com tempo firme e seco, assim como toda Minas Gerais.

Nada muda no sábado e as chuvas seguem atuando somente na faixa oeste e sul do estado paulista. Minas Gerais seguem com tempo firme.

No domingo ,nenhuma mudança, a tendência é que a parte oeste e sul de São Paulo siga com algumas instabilidades, enquanto o restante do estado e Minas Gerais terão tempo seco.

CENTRO-OESTE

Na sexta-feira, o tempo abre mais entre Distrito Federal, norte e leste de Goiás, mas as chuvas ainda continuam em outras áreas da região Centro-Oeste, em especial a partir da tarde. Os temporais são mais fortes no centro e sul de Mato Grosso do Sul, com riscos de rajadas de vento de mais de 50km/h, e acumulados bem elevados. Entre Mato Grosso, sul e oeste de Goiás, chuva em forma de pancadas à tarde acompanhada de trovoadas, ventos moderados e possibilidade de granizo.

No sábado, pouca coisa muda. As chuvas seguem concentradas em Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e oeste de Goiás. Entre o leste, nordeste de Goiás e Distrito Federal, tempo aberto e ensolarado, com temperaturas altas à tarde; nessas áreas, uma grande massa de ar seco predomina e impossibilita a formação de nuvens de chuva.

No domingo, a chuva se torna ainda mais isolada em Goiás e se chover no estado é de forma muito pontual e breve, com curta duração. Entre Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, muito calor, sensação de tempo abafado e o aumento de umidade fortalece as pancadas de chuva, que vem acompanhadas de trovoadas e eventual granizo.