Conheça a história do jogo de cartas ‘BlackJack’

1 mês atrás 91 visualizações
LinkedIn

Lendo Agora

Conheça a história do jogo de cartas ‘BlackJack’

Confira a história de um dos jogos de cartas mais populares do mundo.

Um dos primeiros produtos de entretenimento do mundo moderno a se produzir por grandes quantidades de celulose, sem dúvidas foi o baralho de cartas usado para se jogar o clássico blackjack (vinte-e-um no Brasil, mas muito conhecido pelo

Circa 1600, Don Quixote and Sancho Panza riding their mounts in a scene from Part I, Chapter 7 of Miguel de Cervantes’ ‘Don Quixote’ (pub. 1605) ‘It was yet early in the morning, at which time the sunbeams did not prove so offensive’. Original Artwork: Engraving afte (Photo by Hulton Archive/Getty Images)nome internacional, por sites como o NetBet Sport). O mesmo tem uma história rica em detalhes. Vamos conferir um pouco mais sobre as curiosidades de hoje?

Esse é um jogo de sorte, mas conta também com a possibilidade de que os apostadores utilizem técnicas e formas de vencer já testadas e matematicamente aprovadas. Assim como o truco, por exemplo. É rápido e tomou rapidamente uma popularidade mundial.

Embora seja consenso que o blackjack evoluiu de um jogo antigo, as origens primordiais do próprio vinte-e-um são um tanto contestadas e desconhecidas. Alguns historiadores afirmam que uma versão do jogo surgiu durante a era romana, no qual eram utilizados blocos de madeira para indicar os números envolvidos, embora isso nunca tenha sido devidamente confirmado. A primeira referência escrita a um jogo de cartas chamado vinte e um está no conto espanhol Rinconete y Cortadillo, de Miguel de Cervantes, publicado na coletânea de 1613, Novelas ejemplares, e que se acredita ter sido escrito entre 1601 e 1602.

Cervantes (conhecido mundialmente por ser autor de Don Quixote) era um grande jogador, e o conto inclui dois vigaristas em ação na cidade de Sevilha. Eles são hábeis em trapacear no Veintiuna (espanhol para vinte e um), e a história menciona que o objetivo do jogo é atingir 21 pontos sem ultrapassar o valor e com ases avaliados em um ou 11. Essa referência pode indicar que o jogo era praticado na antiga região de Castela desde o início do século XVII, pelo menos, com referências posteriores em obras publicadas na Espanha e na França, que parecem corroborar essa possibilidade. Entretanto, não é possível saber o quão distante no passado o jogo foi originado.

O jogo ganhou popularidade à medida que era jogado regularmente na corte real durante o reinado do rei Luís XV, e outras versões alternativas começaram a surgir na Europa. Entre elas, havia o Quinze, em outras regiões da França, o Trente-Un (trinta e um), na Espanha, e o Sette e Mezzo (sete e meio), na Itália.

Chegada à América do Norte

O vinte-e-um chegou pela primeira vez à América do Norte como cortesia dos colonos franceses no século XVIII. O jogo foi igualmente bem-sucedido em conquistar popularidade do outro lado do Atlântico, podendo ser jogado em muitas salas de jogo abertas em Nova Orleans em 1820 e que estavam entre as primeiras a serem legalizadas nos EUA.

O jogo se tornou um favorito em todo o país devido, principalmente, a Eleanor Dumont, uma francesa que acreditam ter imigrado para Nevada City em 1854. Crupiê habilidosa, ela abriu um salão de jogos na cidade chamado “Vingt-et-un” e rapidamente ganhou reputação como a “mulher crupiê”, uma ocorrência extremamente rara em qualquer estabelecimento de apostas na época, atraindo jogadores que viajavam grandes distâncias para vê-la.

Não se sabe exatamente em que ponto o nome do jogo deixou de ser vinte-e-um, passando a ser chamado de blackjack. Acredita-se que o novo nome tenha surgido na época da Primeira Guerra Mundial, entre cassinos que ofereciam prêmios lucrativos para jogadores que venciam uma rodada com uma mão inicial com um ás de espadas e um valete “preto” (valete de paus ou espadas). De certa maneira, o objetivo era literalmente obter um “black jack”.

O jogo no mundo moderno

Após ser muito jogado no Velho Oeste e representado em jogos eletrônicos como Red Dead Redemption e outros da mesma temática, o jogo de cartas teve o seu auge após a já citada Primeira Guerra Mundial. Hoje, os melhores sites de apostas online do mercado também procuram ter uma seção focada no jogo, além de estar presente em basicamente todos os cassinos do mundo.

Mas voltando ao tema dos sites, é preciso sempre escolher sites que são confiáveis e que estão no mercado há muito tempo, expondo sua marca constantemente, para não se ter dor de cabeça.

Hoje, jogos de cartas no mundo todo são produzidos em massa dos mais variados tipos, mas o clássico baralho que contempla variantes como o blackjack, poker, truco e outros está sempre presente e possivelmente ainda será o mais produzido durante décadas.

Metris – rodape noticias

Fonte: Celulose Online

Tags: mundo era jogo cartas blackjack

Leia a notícia inteira