ABPA e Apex-Brasil criam marca para promover carne de pato brasileira no exterior

1 mês atrás 65 visualizações
LinkedIn

Por

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil)  apresentaram ao mercado uma marca internacional para a carne de pato produzida no Brasil (a Brazilian Duck).

A marca, que ficou sob a  gestão da ABPA, tem como objetivo ampliar as exportações de carne de pato brasileira. “A razão é que  esse segmento  tem se destacado   na pauta dos embarques de proteína animal nos últimos anos”, diz a entidade.

A iniciativa tem como foco os mercados da Ásia e do Oriente Médio, destaca a ABPA  e acrescenta: “a estratégia é fortalecer a credibilidade, a sustentabilidade, a sofisticação e a excelência do produto brasileiro no exterior”.

“Há uma grande oportunidade de ampliação da pauta exportadora com o setor de patos, um nicho avícola de alto valor agregado. Vamos reforçar a boa percepção sobre o produto brasileiro, que agora ganha uma marca setorial alinhada aos valores já entregues pelo segmento no mercado interno e internacional”, diz o presidente da ABPA, Ricardo Santin.

De acordo com dados levantados pela ABPA, o Brasil exportou 4 mil toneladas de carne de pato em 2020, volume que superou em 26,55% as vendas registradas pelo setor no ano anterior.

Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Peru, Catar, Kuwait, Japão e Hong Kong estão entre os principais destinos das exportações do segmento, que geraram para o país US$ 10,5 milhões em divisas em 2020.

Fonte: ABPA/Apex-Brasil

Fonte: Animal Business Brasil

Tags: marca brasileira carne abpa pato

Leia a notícia inteira